Notícias

27/02/2012

Disque-Denúncia reúne mais de 2 mil informações sobre fraudes

A fraude financeira é um tipo de crime que já causou mais de um milhão de reais em prejuízo a centenas de idosos em todo o país. Apenas com nome, CPF e endereço, os golpistas conseguem retirar empréstimos consignados e transferir o dinheiro para outras contas bancárias. Muitas vezes, o idoso só toma conhecimento da fraude quando aparece o valor descontado na aposentadoria.

O Disque-Denúncia Pernambuco já recebeu, ao todo, mais de 2 mil informações sobre fraudes, entre elas estão golpes como este. Em geral, as investidas criminosas ocorrem da seguinte maneira: a partir do número do benefício do aposentado ou pensionista, os golpistas fazem o empréstimo consignado em nome de outra pessoa. Em seguida, o dinheiro do empréstimo cai na conta indicada pelo fraudador, mas continua sendo debitado mensalmente no benefício recebido pela vítima.

Por isso, é preciso ficar atento a alguns cuidados. O primeiro deles é evitar realizar empréstimos em bancos não cadastrados pelo INSS. Com isso, aumentam as chances da documentação ser utilizada em outras operações financeiras.

Também evite passar o número de benefício por telefone, mesmo para pessoas que alegam atuar na Previdência Social. Os golpistas costumam telefonar indicando que segurado ganhou um brinde como um filtro de água mineral, por exemplo, pedindo, em troca, a confirmação dos dados de cadastro.

Em caso de golpes, informe ao Disque-Denúncia para que as informações sejam repassadas à polícia o quanto antes. Em seguida, procure o INSS para comunicar a fraude para solicitar o desbloqueio da parcela debitada. Também informe à financeira ou ao banco sobre o problema. É importante que o aposentado tenha registros deste contato, anotando o protocolo de atendimento ou registrando uma carta. Se não houver solução, o segurador pode ainda acionar o Procon.

O mais importante é não repassar dados pessoais ou o número do cartão do benefício a pessoas desconhecidas. E por último, lembre-se que a rapidez para chamar a polícia aumentam as chances de localização dos golpistas. Nesses casos, a população pode procurar o Disque-Denúncia. Tanto aqui na Região Metropolitana, como no Agreste do Estado o serviço atende todos os dias da semana, durante 24h. Basta ligar para o telefone 3421.9595 no Recife ou 3719.4545, no interior. O anonimato de quem telefona, é garantido.


Notícias Anteriores: